Até quando

Fores

Cecília Meireles

Até quando terás, minha alma, esta doçura,
este dom de sofrer, este poder de amar,
a força de estar sempre – insegura – segura
como a flecha que segue a trajetória obscura,
fiel ao seu movimento, exata em seu lugar…?

 

Anúncios

2 respostas em “Até quando

  1. Cheguei aqui ao acaso… e encontrei uma amiga ali nos seus favoritos.

    Linda imagem, linda citação.
    Ainda preciso aprender a amar Cecília… por ora, só Clarice me entende.

    Bjs!

  2. Inomináveis Saudações, Zana.

    Cecília Meirelles e a alma… A alma, recipiente de sentimentos e de traumas, de vitórias e de derrotas, de dores muitas e alegrias poucas… Poeticamente, ela expressou versos d’alma que sintetizam as estruturas básicas do humano viver. Feliz, infeliz, soberano, plebeu, mártir… Toda alma humana, tecido de afirmações, tecido de negações, trama de todos, trama de nadas.

    Saudações Inomináveis, Zana.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s